2014 – um dos melhores anos da minha vida

Digamos que este ano não começou da melhor maneira, senti-me injustiçada, desvalorizada e até pensei em emigrar. Uma coisa estava certa: não queria deixar de viajar, mas não tinha dinheiro para isso… como poderia fazer?

Comecei a olhar à minha volta e a tentar perceber o que poderia mudar para não deixar de fazer as coisas que me davam mais prazer. Pensei em arranjar um part-time, mas se eu já chegava ao fim do dia cansada, como é que conseguiria trabalhar ainda mais horas? A marmita para o trabalho há anos que era um hábito saudável, não tinha nada para vender, não tinha gastos nem gostos exuberantes, até o ginásio já tinha sido trocado por corridas e caminhadas ao ar livre sem custos adicionais…

Partilhar mais boleias? Então e porque não alugar um quarto? Partilhar casa? E com quem? Então surgiu-me a pergunta que mudou o meu ano: Qual a melhor forma de viajar sem sair de casa? E a resposta imediata: Conhecer e fazer parte da viagem de outros, torná-la inesquecível e única. E foi isso que fiz. Durante os últimos meses ganhei muitos amigos, tive experiências fantásticas e ainda viajei (para fora de casa) mais do que alguma vez poderia imaginar. E o mais importante, percebi o que me faz realmente feliz e realizada.

Agora que chego ao fim deste maravilhoso ano de 2014, apercebo-me que trabalhei mais do que alguma vez tinha trabalhado, mas também viajei mais, fiz mais amigos, partilhei mais, corri mais, dancei mais, caminhei mais, subi mais alto, acreditei mais, sorri mais, abracei mais, aprendi mais, no fundo vivi mais e mais feliz.

Agradeço a todos que comigo partilharam viagens, refeições, danças, caminhadas, corridas, saídas, conversas, conhecimentos, fotografias, passeios, cafés, postais, abraços, experiências, boleias… Que me deram guarida, que cozinharam para mim, que me ensinaram algo, que me aconselharam e acreditaram em mim.

Desejo que 2015 seja igual ou melhor que 2014, com muita saúde, amor, paz e sucesso para todos.E claro, muitas viagens, aventuras e novas experiências, nem que seja numa refeição tardia na tasca das Portas de São Pedro, num nascer do sol na ria Formosa, num chá no Mezzanine, num baile nos Artistas ou num passeio pela Vila Adentro.

PegadaspeloMundo-PEQ

Este blog é a concretização de um sonho de 2014, que se realizem muitos mais em 2015 e grandes 🙂

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

%d bloggers like this: